25 cursos por R$ 25

25 cursos por R$ 25

“Não tenho tempo” e “é muito caro” são as desculpas mais comuns das pessoas para não fazerem um curso. No entanto, ninguém é doido de negar a importância da educação para evoluir na vida e na carreira. Certo?

Pensando nisso, selecionei 25 cursos da Udemy que estão custando cada um R$ 25 na promoção de março. Sim, baratinho mesmo para você não falar que “está muito caro”. Continuar lendo

“Não entrevisto negros”

"Não entrevisto negros"

No último final de semana, eu fiquei perplexo com um caso relatado no Linkedin pelo Sr. Theo van der Loo, presidente da Bayer S.A. Tão triste quanto perplexo, na verdade.

Qualquer pessoa com um mínimo de empatia também ficaria assim ao ver isso:

Fiquei pensando em que ser humano faria uma coisa dessa. Estamos no século XXI, somos sobrecarregados diariamente por notícias sobre os nossos progressos tecnológicos, mas ao mesmo tempo não somos capazes de vencer um preconceito. Absurdo! Continuar lendo

Desafio #50em2017 – Livro 11 de 50

Desafio #50em2017 – Livro 11 de 50

Chegamos à décima primeira semana do #50em2017!

Não tem a menor ideia do que eu estou falando? Leia o post “E aí, vamos ler 50 livros em 2017?” para entender melhor…

Resumindo, temos (brasileiros) uma média de leitura anual ridícula (menos de 5 livros) e criar o desafio de ler 50 livros em 2017 foi a maneira que eu encontrei para mudar pelo menos um pouco essa situação.

Mas, como isso pode fazer alguma diferença? Continuar lendo

Chefes terríveis, síndrome de Estocolmo e a “dieta do desaforo”

Chefes terríveis, síndrome de Estocolmo e a "dieta do desaforo"

Com a crise no Brasil, muita gente está fazendo a “dieta do desaforo”. Todo dia engolindo absurdos para não entrar no “clube dos 12 milhões” (de desempregados). Um número que eu acredito ser bem maior…

Uma tristeza aqui, um desânimo lá. Aquele esquecimento frequente. A mente que não para. Você não consegue decidir nada e nem se concentrar. O peso parece ação da OGX, subindo e descendo intensamente o tempo todo… muitos sinais de algo pior que está chegando – a depressão. Continuar lendo

Oportunidades que você perde por não saber inglês

Antes que alguém fale: não é merchan da Wise Up! Mas, se a mesma quiser anunciar aqui no blog, sinta-se à vontade! :)

Imagino que vocês já devem ter visto o comercial da Wise Up com a Fernanda Lima. Quem ainda não viu ou nem sabe do que estou falando, pode conferir no link a seguir:

Com um texto impactante, franco e direto, a intenção do comercial, além de promover a escola, é alertar a todos sobre a importância do inglês na sua vida. O comercial atinge principalmente àqueles que se encontram na mesma situação do protagonista: cansados, desmotivados, desconsolados, exauridos e estagnados na vida e que se perguntam o porquê disso. Continuar lendo

Desafio #50em2017 – Livro 10 de 50

 

Desafio #50em2017 – Livro 10 de 50

Chegamos à décima semana do #50em2017!

Não tem a menor ideia do que eu estou falando? Leia o post “E aí, vamos ler 50 livros em 2017?” para entender melhor…

Resumindo, temos (brasileiros) uma média de leitura anual ridícula (menos de 5 livros) e criar o desafio de ler 50 livros em 2017 foi a maneira que eu encontrei para mudar pelo menos um pouco essa situação.

Mas, como isso pode fazer alguma diferença? Continuar lendo

Aprenda empreendedorismo com Guy Kawasaki

Aprenda empreendedorismo com Guy Kawasaki

Quando se fala em empreendedorismo, Guy Kawasaki é figurinha carimbada. Com passagem por diversas empresas incluindo a Apple, Guy atua promovendo marcas, conceitos, ideias e é atualmente o evangelista da Canva e da Mercedes Benz.

Guy é autor de 13 livros, diretor da empresa de investimento de risco Garage Technology Ventures e vive dando palestras disputadíssimas em todo o mundo. E quer saber o mais legal? O Guy Kawasaki tem um curso de empreendedorismo super bacana e hiper acessível no Udemy. Continuar lendo

Desafio #50em2017 – Livro 9 de 50

Desafio #50em2017 – Livro 9 de 50

Chegamos à nona semana do #50em2017!

Não tem a menor ideia do que eu estou falando? Leia o post “E aí, vamos ler 50 livros em 2017?” para entender melhor…

Resumindo, temos (brasileiros) uma média de leitura anual ridícula (menos de 5 livros) e criar o desafio de ler 50 livros em 2017 foi a maneira que eu encontrei para mudar pelo menos um pouco essa situação.

Mas, como isso pode fazer alguma diferença? Continuar lendo