15 aplicativos que me dão super poderes

15 aplicativos que me dão super poderes5 min de leitura

Os meus super-heróis favoritos são o Batman e o Homem de Ferro. Eles não tem super poderes, não foram transformados pela radiação e nem vieram de outros planetas, mas são super poderosos mesmo assim. Basicamente, como eu me sinto com alguns aplicativos que uso diariamente. Exagero? Veremos!

Fiz uma lista de 15 que são quase super poderes feitos com programação. Desde gestão de tarefas até umas “bruxarias” com emails. Teste um de cada vez. Tentar adotar todos ao mesmo tempo é um pouco de loucura. Não adianta ter um montão de aplicativos e não usar nenhum direito.

1.Trello

Eu gosto muito (sou fã até) do Trello para fazer gestão de processos de uma maneira simples. Faço a gestão de conteúdos do meu blog e do Dance Cast nele e, além disso, uso no meu trabalho 8h-18h para acompanhar as atividades da minha equipe, organizar o funil de parcerias estratégicas, entre outros processos. O uso desse aplicativo vai muito além disso, existem pessoas que o usam até para organizar casamentos.

2.Quip

Esse é pouco conhecido no Brasil, mas é um dos mais legais dessa lista. O pessoal da Quip conseguiu fazer uma mistura muito fluida de editor de texto com planilha. Outra coisa bacana é o aplicativo mobile, excelente para quem navega entre o notebook e o celular para escrever os seus conteúdos. Além disso, ele usa markdown que é um forma super prática e rápida de formatar um texto.

3.Rung

O Rung é bem recente, mas já traz algumas funcionalidades muito úteis. Ele é um gestor de excepcionalidades com uso pessoal e corporativo. Gosto dele para ficar de olho em produtos (e passagens) que quero comprar, entregas do correio, bolsa de valores e cotação de moedas. Só configurar tudo lá e o robô do Rung busca as coisas que eu quero. Muito prático!

4.G Suite

O antigo Google Apps for Work é uma mão na roda para organizar equipes. Você consegue usar o Gmail como cliente de email corporativo, o que é muito bom porque dá para usar as suas extensões, além de todas as aplicações do Google Drive, como editor de texto, planilha, apresentações… Eu possuo uma conta muito antiga e não pago, mas ele também não é lá tão caro.

5.Google Keep

Outro produto da (empresa) Google, o Keep é um bloco de anotações muito prático e ridiculamente fácil de usar! Gosto dele para notas rápidas, checklists pontuais, entre outras coisas de curto prazo. Ele também tem uma funcionalidade de lembretes que é muito prática!

6.Wunderlist

Esse é o meu software para gestão de tarefas favorito. Já testei praticamente todos que tem no mercado, mas a simplicidade do Wunderlist é matadora para mim. É nele que eu coloco o meu listão de tarefas e descarrego o meu cérebro. Como o Quip, o aplicativo mobile do Wunderlist é ótimo!

7.Rapportive

O Rapportive é uma extensão para Gmail que traz o perfil do Linkedin da pessoa que você está conversando. Ela pode ser usada tanto para esse fim quanto do modo inverso – descobrir emails válidos. A ideia é muito simples: digamos que você queira o email do Fulano de Tal da Ambev, basta ficar testando [email protected], [email protected].br, [email protected] e por aí vaí! Se a pessoa tem esse email cadastrado no Linkedin, o perfil dela aparecerá ao lado.

8.Slack

Talvez quando você olhar para o Slack pela primeira vez vai achar ele meio tosco, mas é aí que você se engana! Ele é, na minha opinião, a ferramenta mais poderosa de comunicação interna do mercado! Ele possui integração com centenas de aplicações, o que facilita o fluxo de comunicação de equipes. Além disso, é possível fazer comandos externos de dentro dele, como criar cards no Trello, ler documentos do Quip, receber alertas caso o seu site saia do ar, entre outros usos.

9.Pocket

Você já precisou de algum conteúdo e não lembrava mais do site que tirou? O Pocket é a solução para esse problema. Ele é uma espécie de “favoritos” tunado! Ele é muito prático e tem até uma extensão para Chrome e Firefox, o que facilita o uso.

10.Feedly

Quem acompanha muitos portais, sites e blogs vai gostar do Feedly! Ele junta tudo de uma forma muito legal de visualizar. Essencial para quem quer ficar sempre por dentro das novidades.

11.MindMeister

Aprendi o conceito de mapa mental em 2006, na época em que estudava no SENAI, e sou doido por ele até hoje. Essa ferramenta, MindMeister, é a minha favorita para trabalho com isso, principalmente por salvar tudo na nuvem.

12.Buffer

Já imaginou agendar as suas publicações nas mídias sociais? Isso é possível com o Buffer! É com ele que consigo manter a minha atividade nas mídias sociais, seja no Linkedin, Facebook, Twitter, Pinterest ou Instagram. Esse é um grande “super poder”!

13.Mailerlite

Já testei muitas ferramentas de email marketing, mas me apaixonei mesmo pela Mailerlite. A interface é simples, possui automação visual de emails, entre outros recursos no estado-da-arte.

14.QuickBooks ZeroPaper

É muito mais fácil ser produtivo se tudo estiver organizado, inclusive as finanças. Devo ter feito teste em 1230193 aplicativos de gestão financeira e o que mais gostei foi o ZeroPaper. Além da versão web, eles tem um aplicativo que é muito fácil de usar!

15.Mailtrack

Já ficou com vontade de saber se alguém abriu o seu email ou clicou em algum link que você enviou? O Mailtrack faz isso para você! Esse é sem dúvida um baita super poder e sempre que indico as pessoas ficam admiradas!

15 aplicativos que me dão super poderes

Wow! Que listão! Eu poderia incluir mais alguns, mas deixarei para outros artigos. Com esses 15, você terá algum tempo para se acostumar com os novos poderes. Como eu disse antes, vá com calma. Teste um de cada vez, acostume-se com o seu uso. Acredito que você vai curtir muitos deles! Parafraseando o tio Ben, com “grandes aplicativos, vem grandes responsabilidades”.

Testou e gostou de algum? Deixe um comentário!

Faltou algum nessa lista? Deixe um comentário também!

Robson Cristian

Profissional de marketing com os dois pés em tecnologia. Formado em Sistemas pela UDESC, é programador e marketeiro desde 2003. Atualmente, está finalizando o MBA em Finanças do INPG, trabalha em uma empresa de software e mantém um blog para simplificar o mundo dos negócios.