Você já é dono do seu próprio nariz, só não percebeu ainda

Dificilmente perguntada, uma pessoa falará que prefere ficar presa, seja onde for. Porém, boa parte das pessoas estão enjauladas em uma caixa de conceitos (muitas vezes) danosos. Esse tipo de coisa afeta a tomada de decisão e, no fim, ferra tudo!

Um desses conceitos é acreditar que dono do próprio nariz é só o empresário ou a pessoa com tanta grana que já não precisa trabalhar. Ué, esse não é o significado da palavra? Como se não existissem tantas ideias erradas passadas ao longo de décadas, séculos…

A geração dos meus pais, a galera que nasceu nos anos 60, acreditou muito que o estado devia cuidar dela e disseminou isso para sua prole. Quantas pessoas dessa geração e também filhos dela sonharam com concursos públicos? Uma cambada! Quantos presidentes com promessas assistencialistas elegeram? Façam as contas…

Presidentes do Brasil

Esse pessoal pensava (ou ainda pensa…) também que com uma faculdade você teria emprego garantido para a vida. Arrumar um bom emprego era eliminar os riscos da vida. Tinha toda confiança que era o mais seguro a se fazer. Esquecia quem teria que lidar com as consequências de uma demissão, caso o pior acontecesse…

Sem falar que curso universitário não é mais garantia de nada… e a minha geração se contenta com puffs coloridos, sinuca e “choppzinho” na empresa… O que piora em relação a geração dos pais que davam conta de cuidar de três filhos e a atual mal compra uma ração de qualidade para o seu animal de estimação…

Voltando, para mostrar que é quase uma mãe, o estado criou até um seguro-desemprego para você continuar comendo seus embutidos…

Mas, o estado não é sua mãe!

E, a empresa também não é, o que sempre me fez achar estranho as pessoas falarem de “estabilidade na empresa”, entre outras coisas parecidas. Até mesmo gente que xingava o chefe de incompetente e dizia o tempo todo que país estava na merda.

Eu perguntava:

“Se a empresa em que você trabalha é mal administrada e o país está ferrado, na sua opinião, como que funciona essa questão de estabilidade mesmo?”

Obviamente, ninguém me respondia…

Mesmo uma boa empresa pode mudar totalmente o seu modelo de negócio e, se você não se encaixar no novo contexto, pode acabar saindo. A Tigre que todo mundo conhece por tubos e conexões começou fazendo pentes de chifres de boi. Um exemplo, como muitos outros semelhantes.

“Mas, mas, mas…?”.

Encerrando…

Se o seu nariz tomar um cruzado de direita da vida, o maior boxeador de todos os tempos, aquele que bate mais forte que todo mundo, como disse Rocky Balboa, quem sentirá a dor e de quem será o sangue? Seu ou de qualquer outra pessoa?

Acorda pra vida! O nariz sempre foi seu!

E, quanto antes você se tocar disso, melhor cuidará da sua vida. Eu sei que gestão de riscos não fazia parte da grade da sua escola primária e que na faculdade não se relacionava com a vida, mas está na hora de aprender!

Comente logo abaixo!